Maren Lau assume como diretora de Agência do Facebook

Padrão

Maren Lau assume como diretora de Agência do Facebook para América Latina.

Maren vem da empresa de marketing digital IMS, onde era sócia e atuava como CMO. Ela ajudou a expandir a operação da empresa na América Latina e implementar estratégias de marketing e monetização para empresas globais de tecnologia. Antes, Maren também trabalhou em empresas como American Express e agências de comunicação como a Hill & Knowlton em Nova Iorque.

No Facebook, a executiva vai liderar as equipes de relacionamento com agência de publicidade na Argentina, Brasil, Colômbia, México e Miami. Maren fica baseada em Buenos Aires e se reportará a Diego Dzodan, vice-presidente do Facebook para América Latina.

“Estamos felizes com a chegada de Maren. Ela vai ajudar a elevar nosso relacionamento com parceiros e agências a um novo nível, fortalecendo suas estratégias por meio das soluções de negócio oferecidas pelo Facebook e o Instagram”, disse Dzodan.

Já Maren disse que “o Facebook está redefinindo o marketing digital e a forma como as marcas conversam com suas audiências. Temos uma enorme oportunidade para adicionar mais valor ao trabalho das agências de publicidade da América Latina para, juntos, continuarmos crescendo”.

Nascida em Maui no Havaí, Lau é formada em Ciências Sociais por Harvard e tem um MBA em Marketing e Finanças pela Kellogg School of Management da Universidade Northwestern.

 

Joop Wijn é nomeado para o Conselho Administrativo da Adyen

Padrão

Joop Wijn é nomeado para integrar o Conselho Administrativo da Adyen e assumir as responsabilidades de Diretor de Estratégia e Risco.

O executivo possui uma extensa trajetória nos setores privado e público da Holanda. Em 1994, ingressou no ABN AMRO como Gestor de Investimentos em Private Equity, empresa para onde retornou em 2009 para se tornar membro do Conselho Administrativo para Corporate Banking. Em 1998, foi eleito deputado e, em 2002, nomeado Ministro do Comércio Exterior da Holanda; posteriormente assumindo a Secretaria de Estado das Finanças. Em 2006, foi nomeado Ministro do Gabinete dos Assuntos Econômicos da Holanda. Retornando ao setor privado, de 2007 a 2009, foi vice-presidente executivo sênior do Rabobank para PMEs e clientes agrícolas.

“A experiência que Joop Wijn traz à bordo é inestimável e facilitará ainda mais a nossa expansão global”, afirma o CEO da Adyen, Pieter van der Does.

Fundada em 2006, na Holanda, a fintech líder em tecnologias inovadoras de pagamento chegou ao Brasil em 2011, dobrando de faturamento ano a ano e tornando-se a principal escolha das maiores e-commerces do país, como Dafiti, Netshoes e Magazine Luiza, além de empresas como Uber, Netflix e Airbnb. Em outubro de 2016, anunciou sua entrada na seleta lista de adquirentes no Brasil, tornando-se a primeira a integrar todos os processos de pagamentos em sua plataforma, incluindo serviços de gateway, gerenciamento antifraude e adquirência.

Marcelo Borges é o novo diretor técnico de Benefícios da Mercer Marsh

Padrão

Marcelo Borges é o novo diretor técnico de Benefícios da  Mercer Marsh Benefícios™, empresa de consultoria, gestão de saúde e qualidade de vida. O executivo possui larga experiência no mercado e ocupou posições de liderança em empresas como Nationwide, Unibanco AIG e Aon. Ele terá papel fundamental na gestão das áreas de Placement, Relacionamento com Mercado, Proposta de Valor, Produtos & Gestão de Saúde / Qualidade de Vida, agregando conhecimento técnico e visão do cliente a todas estas frentes.

Baseado em São Paulo, o novo executivo da consultoria se reportará a Eduardo Marchiori, Managing Director da Mercer Marsh Benefícios™ & da Marsh Consumer e integrará o Comitê Executivo da Marsh Brasil.

A Mercer Marsh Benefícios™ é a junção no setor de benefícios das habilidades e conhecimentos das equipes da consultoria Mercer e da consultoria de risco e corretora Marsh, o que possibilita às empresas uma gestão estratégica do plano de saúde, seguro de vida, planos odontológicos, assistência farmácia, seguro viagem, acidentes pessoais, programas de benefícios flexíveis e benefícios voluntários.

Sobre a Mercer Marsh Benefícios

A Mercer Marsh Benefícios™ integra ainda gerenciamento de riscos, redesenho de programas de benefícios e terceiriza de serviços operacionais de Recursos Humanos de empresas nacionais e multinacionais.

Tim Castree é o novo CEO global da MEC e Charles Courtier deixa o cargo

Padrão

Tim Castree será sucessor de Charles Courtier no comando da MEC, uma importante agência global de mídia, pertentence ao GroupM, empresa de investimento em mídia da WPP. A transição se dá após 20 anos na WPP e 14 anos comandando a MEC, e Courtier vai passar o bastão de CEO global para dar prioridade a interesses de fora da empresa. Castree, por sua vez, comandará 5 mil funcionários, que administram mais de $ 25 bilhões em investimentos anuais de publicidade para clientes blue-chips em 93 países. Courtier permanecerá CEO da MEC durante um período de transição e no final do ano deixa o cargo, mas continua com a WPP até junho de 2017. Castree assumirá seu novo cargo em janeiro de 2017.

 

Mike Eberhard é o novo presidente da Concur

Padrão

Mike Eberhard é anunciado para o cargo de presidente da Concur, empresa da SAP, fornecedora mundial de soluções integradas de gestão de viagens e controle de despesas.

“Estamos satisfeitos por Eberhard vir a ocupar esse cargo e isso é uma progressão natural em sua carreira na Concur”, diz o membro do conselho executivo da SAP SE, Steve Singh. “Sua paixão por servir nossos clientes, sua grande experiência em liderar a inovação e expansão global e sua habilidade para promover uma cultura positiva para suas equipes são características de sua liderança”, acrescenta.

Eberhard está há 13 anos na empresa e ocupou diversos cargos, entre eles, de vice-presidente executivo e gerente geral para a região da Ásia e do Pacífico, vice-presidente executivo de Vendas Mundiais e Desenvolvimento de Negócios e, mais recentemente, presidente para Distribuição Global. Ele se diz extremamente honrado ao aceitar essa nova função.

Ele irá suceder Elena Donio, que aceitou um cargo de executiva sênior em outra empresa. Durante seus 18 anos na empresa, Elena Donio exerceu plenamente a função de ajudar a liderar a organização em seus momentos mais significativos — desde a transformação em uma empresa na nuvem ao crescimento das ofertas da Concur para pequenas empresas.

Sobre a Concur      

A Concur, uma empresa da SAP, imagina a maneira que o mundo deveria funcionar, oferecendo serviços baseados na nuvem que simplificam a gestão de viagens e o controle de despesas. Ao conectar dados, aplicativos e pessoas, a Concur oferece uma experiência de facilidade e transparência total de despesas, onde e quando elas aconteçam.

Yogesh Gupta é nomeado diretor Executivo da Progress

Padrão
Yogesh Gupta acaba de ser nomeado diretor Executivo da Progress. Antes de ingressar na Progress, Gupta foi presidente e CEO da Kaseya, Inc., uma empresa de TI líder em software de gerenciamento em nuvem, no período de 2013 até 2015. Como CEO da Kaseya, Gupta definiu uma nova estratégia de crescimento e liderou a companhia em um processo de completa transformação dos negócios e produtos. Gupta implementou com sucesso um projeto de vendas em alta velocidade que levou à transição de um negócio de US$ 80 milhões baseado nos modelos on-premise e de propriedade para um modelo baseado em  nuvem e em assinatura.
Gupta vai substituir Phil Pead, atual CEO da Progress, em fase de aposentadoria, mas continuará a servir no conselho de administração. Pead era CEO desde dezembro de 2012 e conduziu a Progress em sua transformação estratégica para se tornar um líder global em insumos para o desenvolvimento de aplicações que habilitam as empresas a avançar em sua jornada de transformação digital e a criar e sustentar experiências de usuário atraentes e compatíveis com o atual mercado em constante evolução.
Antes da Kaseya, Gupta foi diretor executivo da FatWire Software, desde 2007, até que esta foi adquirida pela Oracle em 2011. Durante seu tempo como CEO, a FatWire tornou-se uma empresa de software independente líder em gerenciamento da experiênciaweb. Sob a liderança de Gupta, a FatWire aumentou a receita em 100% em três anos através do lançamento de  produtos inovadores para se gerenciar a presença móvel, social e web, bem como com a criação de novas ofertas baseadas em nuvem. Antes da FatWire, Gupta foi diretor de tecnologia e estrategista-chefe da Computer Associates, onde atuou de 1989 até 2007.
“O Gupta é claramente o líder certo para o futuro da Progress”, disse John R. Egan, presidente do conselho de administração. “O conselho, como parte de seu planejamento anual de sucessão, considerou tanto candidatos internos quanto externos para encontrar o melhor líder para a nossa empresa e seus funcionários, clientes, parceiros e acionistas. Durante este processo, encontramos em Gupta alguém com um histórico comprovado de entrega de excelente retorno aos investidores, por meio de estratégias de crescimento inovadoras e firmeza executiva. Tudo isto o torna um recurso indispensável para a nossa empresa e o CEO ideal para nos liderar em direção a novos patamares.”
“Estou muito feliz que Phil continuará a servir no conselho de administração, onde será um ponto de apoio inestimável para o Yogesh, ao mesmo tempo  em que adicionará sua vasta experiência como membro do conselho de administração de empresa de capital aberto”, acrescentou Egan.
Em conexão com sua nomeação como CEO, o conselho também elegeu Gupta como membro do conselho de administração.
“Ao longo dos últimos quatro anos, vimos reorientando a Progress e construímos uma base estratégica sólida para o crescimento”, disse Pead. “Tomar a decisão de se aposentar nunca é fácil, mas considerando a competência e a experiências de Yogesh, associadas aos avanços conquistados enquanto eu preparava minha saída em 2016, acabei decidindo que este seria o momento certo para acelerar minha aposentadoria e recrutar Yogesh para liderar a próxima fase do crescimento da nossa empresa; não poderia estar mais entusiasmado ao acolhê-lo como o nosso novo CEO. Além disso, ainda permanecerei no conselho da Progress, e estou ansioso para assistir nosso impulsionamento sob a liderança do Yogesh”, completou ele.

Patrícia Vilhena é diretora de Vendas das Tintas Sherwin-Williams

Padrão

Patrícia Vilhena, engenheira química com MBA Executivo na BSP/SP e com uma grande experiência em liderança comercial em nível nacional e região do Mercosul, acaba de integrar o time da Tintas Sherwin-Williams e assumir o posto de diretora Comercial Protective & Marine no Brasil. Com larga experiência no segmento de tintas industriais, a profissional trabalhou por mais de 20 anos na Akzo Nobel/International Paints e já assumiu cargos abrangentes e de grande responsabilidade.

Patrícia espera “agregar e trazer uma visão de fora, que com certeza, poderá ajudar a dar um novo foco para a Tintas Sherwin-Williams, ou, até mesmo, direcioná-la para um outro mercado que, no momento, a empresa não enxergava oportunidade”. Com uma visão comercial técnica sobre a pintura anticorrosiva e o segmento de P&M, a nova Diretora Comercial aliará sua bagagem que vem desde 1988, – quando se tornou a primeira mulher a participar do programa Abraco Petrobrás e a primeira inspetora qualificada a fazer inspeção de pintura no Brasil -, aos objetivos, estratégias e metas da Tintas Sherwin-Williams.

“Estou tendo uma oportunidade ímpar de ser uma diretora sênior na minha função e de poder estar na Tintas Sherwin-Williams, agregando e tendo reconhecimento do mercado para compartilhar a minha experiência e continuar o meu legado que iniciou em 1985 com foco em promover o crescimento sustentável da empresa”, destaca.

Magda Setoguchi é a nova diretora de Recursos Humanos da Philips

Padrão

Magda Setoguchi é a nova diretora de Recursos Humanos para o Brasil, da Philips. A executiva assume o desafio de continuar o ritmo acelerado de transformação da empresa, que nos últimos anos tem se focado especialmente no mercado de saúde e bem-estar.

Com mais de 20 anos de experiência em companhias multinacionais no Brasil, como Abbott, Ernst & Young Banco, Toyota e Salomão Zoopi Diagnósticos, Magda Setoguchi será responsável pelo alinhamento do Brasil com as demais equipes da Philips na América Latina.

A missão da Philips é melhorar a vida das pessoas por meio de inovações relevantes, como os seus produtos ou a implementação do Workplace Innovation para seus funcionários, um conceito global aplicado em todos os escritórios da empresa e que cria o ambiente adequado para estimular a criatividade e a inovação.

Sobre a Royal Philips

A Royal Philips (NYSE: PHG, AEX: PHIA) é uma empresa com vasta tecnologia de saúde focada em melhorar a saúde das pessoas e permitir melhores resultados de cuidados contínuos, desde uma vida saudável e prevenção, passando pelo diagnóstico, tratamento, até os cuidados em casa. A Philips aproveita a tecnologia avançada e os seus profundos conhecimentos clínicos e de consumo para oferecer soluções integradas. Uma das principais empresas em diagnóstico por imagem, terapia guiada por imagem, acompanhamento do paciente e informática de saúde, bem como em saúde dos consumidores e cuidados em casa. A subsidiária integralmente detida da Philips, a Philips Lighting, é uma empresa global em produtos, sistemas e serviços de iluminação. Com sede na Holanda, a Philips teve em 2015 um faturamento de EUR 24,2 bilhões e emprega aproximadamente 104.000 funcionários com vendas e serviços em mais de 100 países.

Carlos Figueiredo é o novo diretor-presidente da Renova Energia

Padrão

Carlos Figueiredo é o novo diretor-presidente da Renova Energia, uma das maiores geradoras de energia renovável do Brasil. O executivo foi eleito pelo Conselho de Administração da companhia, após ser selecionado por uma consultoria de head hunting, conforme previsto no Acordo de Acionistas da Renova.

Figueiredo tem mais de 25 anos de experiência no setor de operações, suprimentos, logística, supply chain, marketing e vendas, além de larga experiência em liderança e formação de equipes. Ele é graduado em Administração de Empresas pela UNIFACS, com MBA Executivo em Finanças pelo IBMEC, MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Dom Cabral e pós MBA em Marketing e Liderança pela Kellogg School of Management. Durante sua carreira, Figueiredo foi responsável pela unidade de cargas do Grupo Gol (Gollog), diretor-presidente da empresa Solaris e atuou mais recentemente na Alcoa Alumínio como diretor para América Latina da unidade de extrusão da Alcoa Alumínio.

Entre os principais desafios de Figueiredo no comando da Renova está a realização de ações para equilibrar o fluxo de caixa da companhia, a entrega do complexo eólico Alto Sertão III e o aprimoramento do modelo de gestão de pessoas. “A Renova é uma companhia bem posicionada no setor de renováveis, possui uma base de acionistas sólida e tradicional e tem uma equipe jovem, extremamente dedicada. Estes fatores foram essenciais para me motivar a aceitar o desafio de me juntar ao time da Renova”, afirma Carlos Figueiredo, novo diretor-presidente da empresa.

“Nosso objetivo é colocar em prática um plano de negócio ajustado ao cenário atual e fortalecer a estrutura da Renova para garantir futuramente uma posição estratégica neste mercado que está em franca expansão”, complementa ele.

Cristiano Corrêa de Barros que estava interinamente como diretor-presidente permanece na Renova como diretor vice-presidente de Finanças, Desenvolvimento de Negócios e Relações com Investidores.

Pavel Orozco é nomeado diretor de Engenharia de Pré-Vendas da Forcepoint

Padrão

Pavel Orozco é nomeado diretor de Engenharia de Pré-Vendas para América Latina, da Forcepoint, para assim, aproveitar o potencial de crescimento projetado para a região latino-americana.

Ao abrir a direção de Engenharia para a América Latina, a Forcepoint demonstra o interesse e a visão de crescimento e investimentos que aposta para a região. “Tenho a missão de identificar e atender a demanda de produtos, além de habilitar nossos canais e manter nossa equipe de engenheiros da região atualizados com as certificações e treinamentos”, diz Orozco, que antes era engenheiro Executivo Sênior LATAM da Forcepoint.

O Brasil, que possui uma das maiores bases de clientes em toda a região, apesar da crise econômica sinaliza grandes oportunidades de crescimento para a companhia, uma vez que segurança continua como desafio prioritário na lista dos CIOs. Orozco explica que, “a adoção das soluções Forcepoint em solo brasileiro continua em curva crescentre e, para tanto, a companhia mantém uma equipe de Engenheiros Seniores baseados no país focados no suporte pré-venda aos parceiros da companhia em termos de produtos, políticas e estratégias de vendas para atender a demanda”.

Orozco também foi incorporado como membro do Escritório do CSO da Forcepoint, unidade interna criada para prover a estratégia de segurança da própria companhia e em apoio às empresas que estão em processo de avaliação ou aprimoramento de seu sistema de segurança vigente, ou mesmo sob ataque ativo.

Formado por especialistas que agregam décadas de experiência no setor de Segurança da Informação e com amplo engajamento em todos os aspectos da comunidade global de segurança, o Escritório do CSO da Forcepoint é altamente capacitado a compartilhar o aprendizado das organizações mais consistentemente seguras do mundo e a revelação das táticas mais recentes dos cibercriminosos com o objetivo de auxiliar as empresas em suas abordagens específicas para mais eficácia em suas estratégias de segurança.

Em forma de trabalho pro bono aos clientes, Escritório do CSO dispõe de tecnologias e recursos inovadores para auxiliar em:

  • Gestão de Riscos
  • Gestão de Identidades
  • Gerenciamento de Incidentes
  • Arquitetura de Segurança
  • Ativação de Negócios
  • Compliance e Auditoria
  • Ciclo de Vida do Projeto

“O melhor em fazer parte do CSO é que somos habilitados para abordar nossos clientes como Agentes de Segurança. Isso nos permite vê-los sob uma perspectiva mais estratégica e de negócios por nosso contato com os parceiros e executivos de suas diretoria, como de finanças, por exemplo, em que podemos falar em termos comerciais e consultoria. Somos especialistas que executam as melhores práticas de segurança dentro de nossa própria organização, porém com a experiência que nos permite atuar como consultores”, acrescenta o novo diretor.

Além da forte atuação tecnológica que marca a Forcepoint no setor, a empresa estabelece padrões e melhores práticas para a alta segurança, o que lhe dá credibilidade e experiência para acompanhar um mercado cheio de desafios constantes. Daí seu slogan “Avance sem medo”.

Sobre a Forcepoint

O portfólio de produtos da Forcepoint protege usuários, dados e redes contra os adversários mais determinados, desde ameaças internas acidentais ou mal-intencionadas até ameaças externas, durante todo o ciclo de vida da ameaça. Mais de 20.000 organizações pelo mundo confiam na Forcepoint. Com sede em Austin, no Texas (EUA), com vendas, serviços, laboratórios de segurança e desenvolvimento de produtos no mundo inteiro, a Forcepoint é uma joint venture da Raytheon Company e Vista Equity Partners.